fbpx

11 Jun(Português) Liberdade sexual. Avançamos na forma e não nos cuidados


(Português) Soube sobre a acusação de estupro que Neymar sofreu a semana passada aos poucos. À medida que ia me inteirando do assunto fui notando como as pessoas e eu mesma, víamos o caso. Interessante perceber, em primeiro lugar, qual o julgamento feito sobre o comportamento feminino e o masculino, em relação a um encontro casual, com sexo envolvido.

Leia mais

04 Jun(Português) A solidão das mulheres que investiram em autoconhecimento


(Português) Há mais de três décadas que frequento cursos, seminários, congressos, eventos, palestras e grupos de discussão sobre os temas mais diversos. Mesmo que os temas versem sobre o amplo mundo das ciências humanas, posso afirmar que nesses anos todos, a maioria dos participantes era mulher. E antes de continuar, e alguém levante dúvidas, trago aqui como fonte, o censo realizado pelo Inep, órgão do Ministério da Educação (censo de 2017): “elas são 55% dos estudantes ingressantes, 57% dos matriculados e 61% dos concluintes dos cursos de graduação. Na licenciatura, por exemplo, 70,6% das matrículas são do sexo feminino”.

Leia mais

21 May(Português) O seguir a nossa alma e o medo de ficar só


(Português) Este texto é, de certa forma, uma continuação do texto “Por que não fazemos a mudança que nossa alma deseja?” e quem sabe, um guia para quem quer continuar compreendendo mais de si e de seu entorno. Acredito que esta sequência não planejada, que nasceu da observação dos Movimentos Humanos desde que escrevi o primeiro texto, há dois anos, pode contribuir com o entendimento para responder a mesma pergunta.

Leia mais

16 May(Português) Fracassos que não são fracassos: a lenda de Kokopelli


(Português) Conheci a lenda do Kokopelli há muitos anos. A lenda está presente em diversas culturas e mesmo com algumas variações, mantém a mesma simbologia. A que eu conheci foi contada por uma descendente de índios dos Estados Unidos.

Leia mais

01 May(Português) As decepções com o Homem Sensível


(Português) Existe uma estória que, com pequenas variações, é contada e bem aceita por boa parte das pessoas que se interessam sobre a equidade entre os gêneros feminino e masculino. Essa estória conta que a mulher foi à luta – incentivadas por mães sofridas que as criaram para “não depender de homem algum”. Que ela teve que enfrentar preconceitos e assédios, sejam estes diretos, indiretos ou perversamente insidiosos. 

Leia mais

23 Apr(Português) Os Outsiders e as fronteiras que criamos


(Português) Hoje quando vejo pessoas chamando a atenção de forma ostensiva e grosseira num ambiente público só pelo prazer de provocar e irritar, ao invés de me incomodar, me sensibilizo. Penso na dor que causamos, como sociedade, para levar a essa atitude. A mudança de mindset se deu quando compreendi melhor o que é ser um outsider. Ou melhor, o que sente um outsider.

Leia mais

16 Apr(Português) Notre Dame e o amor


(Português) Há menos de um mês estive em Paris. Finalizei minhas férias nessa cidade que, meu marido e eu, amamos. Logo no primeiro dia passamos na frente da Catedral Notre Dame. Mesmo tendo ido a Paris algumas vezes, entrar na Notre Dame, orar nela e admira-la por longo tempo, são partes indispensáveis do nosso roteiro em Paris. Ela é mais do que um simbolo. Para nós, é uma viagem pela história da humanidade. Nesses quase oito séculos de existência, Notre Dame foi palco e testemunha de fatos históricos que mudaram o destino de boa parte do mundo. Estar dentro dela, com essa perspectiva, é entrar num filme com personagens como Henrique VI da Inglaterra e Napoleão ao seu lado.

Leia mais

09 Apr(Português) Agora as empresas só querem mulheres. Isso é equidade de gênero?


(Português) Ouvindo um amigo me contar da recente situação em que foi preterido num projeto por não ser mulher, e notando sua real indignação; pensava como é difícil, mesmo para pessoas com bom nível cultural, compreender positivamente, o momento de transição que estamos atravessando. Especialmente, se esse momento, bate na sua porta, com cara de prejuízo.

Leia mais

01 Apr(Português) O que move tuas relações românticas – afetivas?


(Português) Em tempos de busca pela equidade entre gêneros, a luta é fundamental. Não se rompe um sistema de crenças sociais sem que haja confronto. A história é clara sobre isso. Estava em Portugal no dia 8 de março, quando celebramos o dia Internacional da Mulher. Igual que no Brasil, o feminicídio esteve reinante nas mídias de lá. Ver e ouvir casos e números gera revolta e incômodo. Sem dúvida.

Leia mais

19 Mar(Português) As tragédias de Suzano e Nova Zelândia e nossa moral


(Português) Soube sobre a tragédia ocorrida na escola de Suzano, São Paulo, enquanto estava em Barcelona. Quando estou de férias, costumo ficar com certo distanciamento das notícias. Leio pouco os feeds nas minhas redes sociais. Minha intenção é estar o mais inteira possível onde estou.  Absorvendo, o máximo possível, toda a cultura e experiência do local. Faço uma viagem dentro da viagem. Foi assim que fui impactada pela notícia– seguida do massacre de Nova Zelândia. Creio que a beleza e suavidade de Barcelona ajudaram a assimilar tanta violência e sofrimento. Ajudaram a refletir sobre os fatos com um certo isolamento.

Leia mais
Inscreva-se em nossa newsletter

Instagram

  • Quer entender e quer se entender neste momento confuso? Te convido a conversar comigo sobre os caminhos que estamos tomando como sociedade. Apoiada com as últimas análises do Projeto Uno - o estudo que guia os Movimentos Humanos, meu blog, a Casa Flor & Sal (@casaflorsal ) eu promoveremos essa noite de trocas e discussões. 
Faz sua inscrição no link que está na minha bio. Última vagas disponíveis.
Te encontro lá!
#behavior
#movimentoshumanos #sociedade #valores #casafloresal
  • Bom dia! Bora começar a semana refletindo sobre o que significa a periferia para cada um de nós? Interessante a forma como Luciano Huck (@lucianohuck ) nos traz essa reflexão a partir do gênero musical do Funk. Confesso que no início desse gênero musical, pensava exatamente como é mostrado no vídeo: o associava à criminalidade e pensava que tinha que acabar. Talvez me incomodasse por refletir uma realidade que não queria que existisse. Vale assistir! Se o vídeo cortar vai até o perfil do Luciano e assista 💜
  • É nesta quinta-feira, 19 que estarei apresentando minhas últimas análises do Projeto Uno 2018/19 e minhas releituras sobre os Movimentos Humanos. "Os caminhos da sociedade atual" acontecerá na @casaflorsal. Inscrições no site www.casaflorsal.com/caminhos-sociedade-atual .
ÚLTIMAS VAGAS!

#casafloresal #behavior #movimentoshumanos #sociedade #debate #diversidade #respeito #amor #novosrumos
  • Saudade.
#amywinehouse #music #jazz  #behavior

Seguir!

(Português) Baixe o Projeto Uno

* obrigatório
Gênero